Lothar Matthaus leva Taça a Moscovo

Com a chegada da Taça do Mundial de Moscovo, Lothar Matthaus coloca Brasil e Alemanha como favoritos. O ex-craque que capitaneou a selecção da Alemanha  na conquista de 1990 participou no evento que trouxe de volta do troféu à capital russa.

Com a chegada da Taça do Mundial de Moscovo, Lothar Matthaus coloca Brasil e Alemanha como favoritos. O ex-craque que capitaneou a selecção da Alemanha  na conquista de 1990 participou no evento que trouxe de volta do troféu à capital russa.
A taça da Copa do Mundo está de volta a Moscovo. Chegou na semana finda à capital russa, vinda de São Petersburgo.
O evento foi realizado na Praça Manej, logo atrás da Praça Vermelha. A cerimónia contou com a presença de Lothar Matthaus, capitão da Alemanha na conquista do Mundial de 1990, na Itália.
Ele foi o responsável por revelar a taça ao público e erguê-la. Algo que ele espera que a Alemanha faça de novo neste ano.
Lothar Matthaus, antigo capitão da Alemanha em 1990, apresenta o Campeonato do Mundo em Moscovo, Maxim Shemetov \"Reuters\"
\"Claro que vejo a Alemanha como favorita e vou cruzar os dedos para que vença. Mas vejo Brasil e Espanha também como favoritos. E se Messi estiver bem por sete jogos, a Argentina tem chances\", afirmou.
A antiga estrela espera que a Rússia também vá longe para manter o clima festivo no país. \"Quem sabe não jogam uma final contra a Alemanha (risos)\", disse.
O alemão também ressaltou a melhora a equipa brasileiro em relação a 2014. \"Vi o jogo do Brasil contra a Alemanha (vitória de 1- 0 em amistoso em março) e gostei de ver que o Brasil estava sem o Neymar e já não é tão dependente. Vejo uma selecção mais forte. Não gosto de dizer melhor, mas mais organizada\", analisou.
A terminar Lothar Matthaus ressalta que a Alemanha não precisa ser mais forte, mas apenas fazer igual em 2014, como completou.