Cambinda e Bernardete Chivava vencem corta mato

O corredor, Luís Cambinda, de 16 anos, em representação do Colégio nº1844, ao percorrer a distância de 1 kms, em 3 minutos, 18 segundos e 96 décimas, sagrou-se vencedor, em masculinos, da II edição da corrida de corta mato disputado no fim-de-semana, no município do Kuvango, numa promoção do projecto Okuhateka.

O corredor, Luís Cambinda, de 16 anos, em representação do Colégio nº1844, ao percorrer a distância de 1 kms, em 3 minutos, 18 segundos e 96 décimas, sagrou-se vencedor, em masculinos, da II edição da corrida de corta mato disputado no fim-de-semana, no município do Kuvango, numa promoção do projecto Okuhateka.
A segunda posição coube ao atleta Januário Ndala, de 15 anos, da Escola Primária nº 119, ao cronometrar a mesma distância em 3 minutos, 20 segundos e 65 décimas, seguido por Tadeu Almeida, de 14 anos, do Colégio nº1844, com o registo de 3 minutos, 21 segundos e 84 décimas.
 Em feminino, o triunfo sorriu para Bernardete Chivava, 14 anos, do Colégio nº1844, com o tempo de 3 minutos, 37 segundos e 46 décimas, secundada por Débora Juliana, 13 anos, da Escola Damião 7 Casa, ao cortar a meta em 3min57seg84dec. Janete Cambinda, de 13 anos, em representação do Colégio nº1844, contentou-se, com o terceiro lugar, com 4 min02seg47décimas.
 Participaram desta actividade que serviu igualmente para festejar os 134 anos da existência do município do Kuvango que dista há mais de 300 km, à leste da sede da província da Huíla (Lubango), mais de 70 petizes em ambos os sexos dos escalões de infantis, juvenis e juniores.
 Os três primeiros classificados em ambos os sexos, receberam no final, troféus e medalhas.
 O coordenador técnico do projecto de massificação do atletismo Okuhateka (Vamos correr), Juka Fernandes, assegurou que a actividade decorreu sem sobressalto, o ultrapassou as expectativas da organização.
 Anunciou que a próxima actividade acontece no próximo mês de Novembro com a realização do campeonato provincial de pista com a participação dos 14 municípios.
De acordo com Juka Fernandes já foram avisados os professores de educação física daquele município a não pararem com o trabalho devido a realização do campeonato provincial em pista no mês de Novembro no Lubango.
 Explicou que o projecto Okuhateka liderado pela antiga fundista Ana Isabel,  está implementado nos 14 municípios da província e com a disputa da II edição do corta mato, cumpriu com mais uma etapa.
 “Queremos que daqui há 2 aos 3 anos consigamos descobrir talentos para o desenvolvimento da modalidade no país no geral em na Huíla em particular”, sublinhou Juka Fernandes. 
No entanto, o município do Kuvango foi fundado à 28 de Agosto de 1884 e chamou-se de Vila “Artur de Paiva”.