Angolanos conquistam ouro no xadrez

A representação feminina angolana conquistou sábado, em Luanda, a primeira posição do torneio de xadrez no sexto dia de competições da 10ª edição dos Jogos da Organização Regional da Policia da África Austral (SARPCCO), que decorrem no país.

A representação feminina angolana conquistou sábado, em Luanda, a primeira posição do torneio de xadrez no sexto dia de competições da 10ª edição dos Jogos da Organização Regional da Policia da África Austral (SARPCCO), que decorrem no país.
Em clara demonstração de superioridade das anfitriãs, que amealham a medalha de ouro, as posições imediatas foram ocupadas pelas xadrezistas do Zimbabwe e Moçambique, em prata e bronze. Com o feito, as caseiras revalidam o título da especialidade na prova.
No sector masculino, que também detém a hegemonia, Angola averbou a sua primeira derrota, por 1-3, diante da Zâmbia, em partidas da segunda volta. A equipa de Moçambique também perdeu (0-4) com a congénere do Zimbabwe.                
Ainda neste sexto dia, para as meias-finais de voleibol masculino, Angola venceu (3-1) o Zimbabwe, qualificando-se para a final de sábado, às 11h00, no campo da Refriango, frente ao Botswana, que superou (3-1) a Zâmbia.
Quanto ao futebol feminino, Angola e Zimbabwe disputam a final, sábado, às 15h00, no estádio 22 de Junho, no bairro do Rocha Pinto. Em masculinos, a formação angolana perdeu (0-1) com o Zimbabwe, na seria A, ao passo que Moçambique também (0-2) diante da Namíbia, no grupo B.
Em relação ao Netbol, apenas jogado por senhoras, cuja contenda igualmente encerrou nesta sexta-feira, a primazia vai para o Zimbabwe, seguido do Botswana e Zâmbia.              
Mais de mil atletas em representação de nove estados da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) participam no evento de Luanda.                    
Os Jogos passados de eSwatini, com a presença de 15 países, foram vencidos pelos polícias do Zimbabwe. 
A SARPCCO foi fundada por onze países, designadamente Angola, Botswana, Lesotho, Malawi, Moçambique, Namíbia, África do Sul, Swazilândia (eSwatini), Tanzânia, Zâmbia e Zimbabwe.