Salário de Messi não é sustentável

Emili Rousaud quer apresentar um novo contrato ao astro argentino.

As próximas semanas prometem ser atribuladas no Barcelona, com as eleições no mês de janeiro e com a possibilidade de Leo Messi poder já negociar a sua saída com outro clube, abandonando o Camp Nou a custo zero no verão.

Ora, Emili Rousaud é um dos candidatos. O antigo-vice presidente do clube garante que caso seja eleito vai apresentar a Messi um novo contrato, mas com salário mais baixos. \"Na situação atual do clube o salário de Messi não é sustentável, por isso vamos ter que chegar a um acordo com ele e vamos apresentar-lhe um projeto atrativo\", referiu em entrevista ao AS.

Rousaud sustenta que o argentino nesta fase da carreira já não está preocupado com dinheiro. \"Quando Messi disse que queria sair, não disse que era por dinheiro. Ele tem o maior salário do mundo, ninguém ganha mais que ele. Ele quer sair porque quer ganhar troféus\", atirou.